RECONHECIMENTO DE TÉCNICOS

De acordo com o disposto na Lei n.º 7/2013, de 22 de janeiro, o pedido de reconhecimento, dirigido à DGEG, é apresentado no portal SGCIE, devendo os candidatos demonstrar que preenchem os requisitos mínimos de habilitações académicas e profissionais e a experiência adequados aos objetivos em causa.

As pessoas singulares que pretendam ser reconhecidas pela DGEG, como auditores energéticos e autores de planos de racionalização e de relatórios de execução e progresso, deverão aceder a “Pré-registo de Técnico”, indicar os dados solicitados e submeter o formulário online. Irão receber um e-mail com as credenciais de acesso ao Portal SGCIE (login + password). Com estas credenciais, deverão aceder a “Login” no menu principal e proceder ao pedido de reconhecimento online.

Os requisitos mínimos de habilitação e experiência profissional a observar no reconhecimento de Técnicos são os seguintes:

  • Título de engenheiro, reconhecido pela Ordem dos Engenheiros, ou título de engenheiro técnico, reconhecido pela Ordem dos Engenheiros Técnicos;
  • Experiência profissional adequada ou seja o exercício efetivo e lícito de atividades de engenharia em instalações consumidoras intensivas de energia (CIE) durante, pelo menos, três anos ou o exercício efetivo e lícito de atividades nas áreas específicas da auditoria e consultoria energéticas durante, pelo menos, dois anos.

As demais especificidades podem ser consultadas na Lei n.º 7/2013, que estabelece os requisitos mínimos de habilitação e experiência profissional a observar na credenciação de técnicos.

O reconhecimento e registo de técnicos exige ainda, como requisito mínimo, a posse de equipamento de medida e controlo necessário ao desenvolvimento das atividades, comprovadamente calibrado.

Documentação para o pedido de reconhecimento de Técnico:

  • Obrigatória
    • Modelo de Requerimento
    • Declaração segundo Lei n.º 7/2013, de 22 de janeiro
    • Comprovativo de habilitações literárias
    • Curriculum Vitae detalhado
    • Listagem do equipamento de medida e controlo
    • Documento comprovativo da calibração do equipamento de medida e controlo
    • Comprovativo do título de Engenheiro ou Engenheiro Técnico (OE ou OET)
  • Facultativa
    • Outros elementos e referências
    • Fotografia (para emissão do cartão)

Após aprovação do pedido de reconhecimento, os Técnicos poderão aceder ao seu perfil através de “Login” e proceder ao preenchimento dos PREn e REP, devendo estes ser submetidos para validação online do Operador.

Cumpre ainda esclarecer que, com a entrada em vigor da Lei nº. 7/2013, deixa de existir reconhecimento de pessoas coletivas, passado este a ser concedido apenas para Técnicos em nome individual.